Como aumentar a imunidade das crianças, por Karine Durães

A maravilhosa nutricionista da Lulu, a Karine Durães, escreveu um texto incrível com dicas simples para aumentar a imunidade das crianças.

Vale a pena a leitura:

Você com certeza já ouviu essa história: a família toda pegou a gripe/diarreia, e o bebê também pegou, só que mais “fraco”. Você também já deve ter prestado atenção e avaliado que a alimentação que seu filho consome parece influenciar positivamente a imunidade dele. Já viu que ele consegue se recuperar rápido das doencinhas que ele teve, mesmo sem comer, lembra?

Situações como a que estamos vivendo, onde uma doença paira no ar e a gente se pergunta o que se pode fazer, é um momento para olhar o que já construiu e confiar também. Seu filho come fruta? Ele come arroz, feijão? São esses alimentos, os básicos, que formam uma boa saúde.

Outros, menos básicos também podem fazer a diferença. Tira do armário aquele tempero amarelo, o açafrão, e coloca no arroz de hoje. Vocês gostam de cogumelos? É um alimento que faz muita diferença na imunidade. Se não gosta, pode ser um momento de provar novamente, em uma receita diferente.

Consumir alimentos fermentados, com probióticos, também é uma boa ideia. Como os iogurtes.

Se estiver frio aí, aqueça o corpo do pessoal da sua casa com um chá, como o de gengibre, ou um caldo, uma sopa. Caldo de missô é legal, porque é fermentado.

Se estiver fresco, vale tentar tomar sucos com vegetais também, se seu filho tem mais de um ano.

Amamente. Mesmo se for uma vez por dia, aproveite esse momento.

Veja com sua nutricionista se é o caso de dar e tomar probióticos, se você não amamenta.

Tome seus cuidados. Lava as mãos, tome banhos deliciosos depois de chegar da rua. Respira. O medo paralisa. Você já protege a imunidade do seu filho. Esse é um convite pra ver se tem mais alguma oportunidade de mudança, porque às vezes tem. E confia.

A tua escolha de olhar para alimentação saudável como importante foi uma decisão tomada há algum tempo, lembra? Confia nela. E se você ainda não teve essa oportunidade, de olhar para a alimentação, agora pode ser um momento legal. Respirar, calma e serenidade também influenciam positivamente a imunidade.

Publicidade

Delivery School