Tegra – Caminhos da Lapa
Bahia
01/02/2018
Experiência: Porto Seguro com crianças

Experiência: Porto Seguro com crianças

Nossa querida seguidora Nanda foi a Porto Seguro passar os dias com seu filho e o passeio foi tão bom que ela resolveu dividir conosco – e com vocês – sua experiência.

O que a atraiu neste roteiro foi o fato de ser um pacote mais barato do que os outros e por isso ela arriscou e teve uma grata surpresa com tudo o que vivenciou nesses dias. Seu filho Heitor tem apenas 1 ano e 7 meses e essa foi sua primeira viagem.

Nanda optou por ir de avião, mas já adianta que quem quiser arriscar uma viagem mais barata ainda, é possível ir de ônibus. A viagem é longa e ir com crianças pode não ser  melhor opção.

Roteiro Histórico

Tanto o aeroporto quanto a rodoviária de Porto Seguro ficam extremamente próximas. Ambas ficam também próximas ao roteiro histórico da cidade e, como chegaram pela manhã, já aproveitaram e resolveram conhecer o local antes mesmo de chegar à pousada.

Lá, além de ter uma vista incrível da cidade e do mar, possui diversas barraquinhas com produtos locais, bem como o delicioso acarajé da Bahia. Para os pequenos, tem tapioca fininha e com recheios mais apropriados, como manteiga, queijo ou somente sal.

É comum encontrar rodas de capoeira, que deixaram o pequeno Heitor encantado.

Uma dica importante é não esquecer do protetor solar e chapéu, pois na Bahia o calor é muito forte.

O transporte da cidade é bem tranquilo. Tem táxis (alguns usam o taxímetro, mas a grande maioria combina com você o valor da corrida) e transporte coletivo (R$4,50), 24h por dia. Mas vale muito pesquisar porque a discrepância de valores entre os taxistas é bem grande.

Cabralia

Cabrália foi uma das praias que ela já havia pesquisado e visto que não se enquadrava, pois possui mar forte e muitas ondas, ideal para quem pratica surf.

Pousada Aldeia Portuguesa 

Local simples, mas com funcionários prestativos, quartos amplos e bem de frente para a praia Coroa Vermelha. Mas o local possui inúmeros hotéis e pousadas atendendo todos os gostos e bolsos (nós já ficamos no Hotel Costa Esmeralda há muitos anos e indicamos, porém fomos antes de ter filhos).

Aldeia Portuguesa

A Aldeia Portuguesa fica a 4 minutos (a pé) da Passarela do Descobrimento. Uma passarela repleta de barraquinhas que vendem de tudo, como artesanatos, deliciosas cocadas baianas de todos os sabores, água de coco extremamente geladas, chocolates artesanais com 80% cacau e açúcar mascavo, biquínis, saídas de praias e todos os brinquedos imagináveis para crianças curtirem a praia.

Mas vamos ao que interessa – a praia.

Site: www.pousadaaldeiaportuguesa.com.br

Acesse AQUI para saber os valores.

Coroa Vermelha

A praia de Coroa Vermelha é incrível. Águas cristalinas, sem ondas, quentinhas e formam piscinas naturais incríveis. Você anda muitos metros, praia adentro e a água não passa do joelho. O que proporciona tranquilidade para qualquer mãe, pois a criança pode divertir-se sem risco algum. Tudo que desejamos, não?

Heitor adorou o mar e não queria sair de lá de forma alguma. Tinha que reforçar o protetor solar na água mesmo, porque tirá-lo de lá era motivo de muito choro.

Na orla e na areia tem inúmeras barracas, todas com atendentes tranquilos, que a todo momento repetem a frase: “Sorria, você está na Bahia”. Aliás vim com esse mantra impregnado na cabeça.

As barracas possuem alimentação a preço justo e não se incomodam se você decidir consumir dos ambulantes. Nanda achou isso interessante e quando perguntou o motivo de não alugarem as barracas, não cobrarem nem os 10% dos garçons e ainda permitirem o consumo de ambulantes a resposta que obteve foi: “Aqui todos se ajudam e temos como objetivo fazer com que voltem”.

O motivo pelo qual nossa seguidora escolheu foi porque, além de tudo que já foi dito, há opções saudáveis para as crianças como suco de laranja, água de coco, tapioca, milho verde, queijo, batata assada tipo chips e ainda redes em quase todas as barracas, o que ajuda na hora do soninho.

Em Coroa Vermelha existe a opção de fazer passeio para os corais de recifes com e sem guia. Eles possuem coletes para os bebês e guias supersimpáticos. Lá é possível conhecer corais, ter contatos com diversos animais marinhos e tirar muitas fotos.

Heitor gostou muito, só não curtiu tocar a estrela do mar.

Coroa Vermelha possui um centrinho que fica na orla da praia – possui boa infraestrutura para quem vai com pequenos. Supermercado, restaurantes por quilo, farmácias e padarias (o que acalmou e muito o coração de Nanda, pois além de conseguir comprar fraldas e papinhas encontrou frutas que Heitor já estava acostumado a comer a preços semelhantes aos de São Paulo).

Dica: Animais marinhos não devem ser tocados e tirados do mar. Muitos guias de turismo oferecem esse tipo de experiência, porém é muito prejudicial a essas espécies.

Praia de Santo André

Outro lugar incrível para conhecer é a praia de Santo André (local onde a equipe de futebol da Alemanha ficou), praia igualmente limpa, quente e calma, mas com um número menor de barraquinhas.

Para quem tem bebês maiores e um pouco mais de coragem, vale ir para Porto Seguro e pegar a balsa com destino a Arraial d’Ajuda ou Trancoso.

Ambos locais são lindos, Arraial com um centrinho belíssimo, praias calmas e quentinhas. Trancoso praia charmosa, sem ambulantes e com preços mais “salgados”. As duas opções são boas para ir com bebês.

E para quem pensa que Porto só tem isso, enganou-se. Ainda é possível curtir a noite na cidade, indo de táxi ou de coletivo (à noite passa de 30 em 30 minutos até as 23 horas e de hora em hora após esse horário).

A cidade possui restaurantes que contemplam a gastronomia gaúcha, mineira, baiana, japonesa, italiana, fast food, mas grande parte dos turistas se encontram mesmo na PASSARELA DO ÁLCOOL. Este local recebe esse nome, pois no seu início tem inúmeras barraquinhas que servem diversos coquetéis (o mais famoso é o Capeta).

Também próximo a essa passarela é possível encontrar 3 minis shoppings com restaurantes conhecidos por nós paulistas: Mc’Donalds, Giraffas, Subway, entre outros. Além disso, também há farmácias, agências bancárias, lojas de roupas, moda praia, agências de turismo (vendendo a preços convidativos os diversos passeios da região) e muito mais.

A passarela é um passeio obrigatório, pois possui tudo o que há de melhor da região. As cocadas de diversos sabores e assadas, tapiocas, bebidas, pimentas, artesanatos de todas as espécies, lojas de vestuário, todas com o logotipo “PORTO SEGURO”, diversas opções de comidas, chocolates artesanais, sorvetes e muita, muita animação.

Só indo lá para entender o mantra: SORRIA VOCÊ ESTÁ NA BAHIA.

Enfim, Nanda e Heitor ficaram por lá durante sete dias e foi delicioso, tranquilo, divertido e acima de tudo muito seguro.

Teve uma experiência positiva como a Nanda e o Heitor e quer dividir conosco? Envie seu texto e fotos para o contatopasseioskids@gmail.com. Nós vamos adorar conhecer sua viagem e dividir com outros pais.

Experiência: Porto Seguro com crianças
5 (100%) 1 vote

Leia também

Faça este blog ser ainda melhor, escreva seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine nossa newsletter!

Faça sua festa com a Anima Brasil

Tags